9º dia da Novena Missionária: Jovens sem fronteiras

Neste último dia da nossa novena, vamos acolher e escutar os jovens que participaram da primeira experiência missionária das Obras Pontifícias e refletir sobre a sua importância para o futuro do nosso planeta.

Pai Nosso da juventude

Pai nosso que estais no céu,
na terra, no ar, na água, em toda a natureza,
no nosso grupo, comunidades, em cada um (a) de nós.

Santificado seja o vosso nome
na nossa oração, na nossa ação,
no compromisso com a comunidade.
Venha a nós o vosso Reino
de mulheres e homens novos evangelizados e evangelizadores.

Seja feita a vossa vontade!
Que nós, jovens, e todos os cristãos comprometidos,
sejamos construtores de novas relações no trabalho,
na escola, no lazer, na Igreja e em toda a nossa cultura.

Assim na terra como no céu,
na caminhada de nossas famílias,
de nossos grupos e de nossa comunidade.

O pão nosso de cada dia nos dai hoje
porque quereis a vida plena,
conseguida quando se mata a fome de pão e de justiça.

Perdoai as nossas ofensas
quando deixamos de construir
um grupo de jovens mais organizado
e deixamos de atingir outros jovens de nossas comunidades.

Assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido
e não nos deixeis cair em tentação  de acreditar em outros deuses
que não seja o Deus da Vida.

Mas livrai-nos do mal
do poder, da ganância,
da desigualdade e da morte e fazei-nos,
Senhor, mulheres e homens novos,
construtores da nova sociedade,
sinal do Reino de Deus.
Amém.