Brasil teve o 3º maior número de peregrinos na JMJ

A 31ª edição da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que começou na última segunda-feira (25/7) e foi até domingo (31/7), recebeu na Polônia mais de 2 milhões de peregrinos, com participantes de mais de 100 países.  E o Brasil fez bonito!

Dos 600 mil jovens inscritos oficialmente na JMJ, 13 mil foram brasileiros. A maior parte dos peregrinos, 25,5%, foi de poloneses. Em segundo lugar, ficaram os italianos, com 13,6%. O Brasil ficou em terceiro lugar, seguido da França e da Espanha.

Segundo o Frei Rubens Mota, os jovens são atraídos por duas experiências: a busca da experiência de Deus e o encontro do jovem com o jovem. O frei franciscano aponta ainda para um grande desafio pós jornada: “A questão é como os jovens que se animaram com a Jornada vão encontrar nas suas comunidades uma continuidade e sustentação a uma empolgação levantada na Jornada Mundial da Juventude. O desafio é como tornar as paróquias atrativas e receptivas para os jovens”, diz Frei Rubens.