Santa Dulce dos Pobres

Este é o primeiro ano em que celebramos Santa Dulce dos Pobres, nossa santa baiana, canonizada no dia 13 de outubro do ano passado. Seu nome de batismo era Maria Rita de Sousa Brito Lopes Pontes e nasceu em Salvador, em 26 de maio de 1914. Desde muito jovem, manifestou sua paixão pelos pobres e os acolhia em sua casa.

Ao optar pela vida religiosa, encontrou caminhos para ajudar as pessoas mais necessitadas, a ponto de ficar conhecida como “O Anjo Bom da Bahia”. Irmã Dulce não medida esforços para cuidar daqueles que não tinham a quem recorrer. Por eles, enfrentava todos os desafios, até mesmo transformou o galinheiro do convento num abrigo para os doentes, dando início ao Hospital Santo Antônio.

A Ir. Dulce ficou associada ao cuidado dos pobres e ao testemunho radical de entrega e doação a Deus, a serviço dos doentes e mais necessitados. Sua própria vida já era um milagre, pois, além de sua constituição frágil, tinha muitos problemas de saúde e, mesmo assim, era incansável em sua dedicação. Santa Dulce dos Pobres, título que ganhou após sua canonização, faleceu em 13 de março de 1992.

No vídeo que apresentamos a seguir, produzido pela Verbo Filmes em 1983, quando Ir. Dulce estava em plena atividade, vemos seu carinho pelas pessoas e por que ela se tornou tão amada pelo povo brasileiro. Santa Dulce dos Pobres, intercedei por nós!

Assista ao vídeo:

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *