Se você defende o cuidado com a vida, precisa conhecer a REDES

No Brasil, as missionárias SSpS dedicam suas vidas a inúmeras atividades sociais e pastorais, buscando responder aos apelos e desafios da época. E é através de uma entidade que as missionárias respondem diretamente à promoção da responsabilidade social e sustentabilidade entre religiosos e leigos na província. Estamos falando da REDES – Rede de Solidariedade.

REDES é a instituição de Assistência Social das Missionárias Servas do Espírito Santo – Brasil norte, criada 15 de junho de 2001 especialmente para mobilizar, sensibilizar e ajudar pessoas na construção de uma sociedade socialmente responsável, justa e sustentável. Seu trabalho é centrado nas ‘Metas da JUPIC’,  sigla para Justiça, Paz e Integridade da Criação – veja o quadro.

 “A JUPIC tem como objetivo a transformação das estruturas, das políticas e das práticas que dominam e destroem a integridade da criação, e busca uma verdadeira qualidade de vida para todos e todas, especialmente para os/as marginalizados/as”.

Bispo Kevin Dowling – Igreja Católica Romana  da Diocese de Rustenburg na província eclesiástica de Pretória na África do Sul.

METAS DA JUPIC

·  Conscientizar as pessoas sobre as causa dos sofrimentos e da pobreza, assumindo as implicações sociais da fé.

·  Potenciar as pessoas para que trabalhem por uma sociedade mais justa, onde sejam respeitados os direitos humanos  básicos como a alimentação, a água, a moradia, a educação, a saúde, o emprego e a participação política e social.

·  Ajudar a sociedade na ação de promover a Justiça e a Paz em favor dos pobres, dos marginalizados, dos desvalidos e dos oprimidos.

·  Trabalhar para que JUPIC esteja integrada em todas as nossas comunidades e ministérios;

·   Cuidar da Integridade da Criação;

·  Optar, conscientemente, pela não violência como estilo de vida;

·  Responder criativamente às realidades de nosso tempo onde a vida está ameaçada;

·  Trabalhar em rede dentro de nossas Províncias/Regiões, com as SSpSAP, com SVD, com VIVAT Internacional, com leigos(as) e outras organizações.

Como a REDES trabalha

A REDES atua de duas formas distintas:

2) como entidade promotora de ações de responsabilidade social e sustentabilidade.

No primeiro caso, a instituição realiza anualmente seminários e encontros sobre diversos temas da JUPIC. Dentre eles, o destaque deste ano foi para o 4º Encontro da REDES (julho) que teve como tema a Mobilidade Humana (Migração).

Já na promoção de ações, duas grandes conquistas marcaram o ano, resultado do esforço conjunto das Missionárias SSpS e de entidades parceiras: o Centro de Integração do Migrante (Brás/SP), e a estruturação do Centro Missionário Cultural SS. Trindade (no Convento SS. Trindade / SP). As novas entidades tem como objetivo prestar serviços gratuitos a pessoas em situação de vulnerabilidade, bem como à população em geral por taxas simbólicas que se reverterão para apoiar as iniciativas sociais das missionárias.

Para saber mais sobre a REDES, acesse o site www.redesssps.org.br

Para ser voluntário na REDES, envie um e-mail para redes@ssps.org.br com o assunto ‘voluntariado’.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *